Dia dos Namorados: 5 Dicas de Presente para eles

Está chegando o dia dos namorados e com ele a dúvida do que comprar para presentear o nosso amor. Eu sou casada há cinco anos mas mesmo assim mantemos a tradição de presentear e comemorar o dia dos namorados.

Achamos legal manter as comemorações para não perder o encanto a magia do namoro neh, hoje em dia é tudo tão corrido que temos que dar um stop na correria e comemorar os bons momentos com quem amamos.

Meu marido é meu eterno namorado rsrsrs.

Mas nem tudo são flores na hora da escolha do presente, acho super difícil escolher, gosto de dar coisas relacionadas ao romantismo, algo que combine com a magia do dia dos namorados. E presente para homem é sempre mais difícil de escolher.

Há quem diga que presente para homem é mais fácil, mas acho mais difícil quando se trata de algo mais romântico. Se for pra dar uma camiseta, sim é mais fácil, mas nesta data gosto de caprichar no romantismo.

Assim, separei aqui 5 presente que considero românticos e que super agradaria meu marido e que acredito que pode agradar o seu namorado ou marido também.

1 – Perfume:

Perfume é sempre um presentão e no dia dos namorados não seria diferente, sem contar que o presente é para eles mas nós aproveitamos também, não é verdade? kkkk

Meu marido usa o Legend da Mont Blanc e o Polo Blue Ralph Lauren ambos são bem gostosos, você encontra deles no site da Época Cosméticos por uma média de R$ 300,00 cada.

 

Foto: Site Época Cosméticos

 

2 – Kit de Cuidados Pós Barba:

Amo os kits de cuidados para barbear, eles sempre têm um cheirinho bem gostoso, bem marcante, mas ao mesmo tempo suave.

Meu marido usa o Malbec de O Boticário e buscando no site encontrei esse kit com quatro ítens  por R$ 179,00 no site do Boticário.

O kit vem com creme de barbear, loção pós barba, perfume e uma necessaire. Achei super lindo e o preço bem legal pela quantidade de itens, está valendo a pena hein!

Foto: Site O Boticário

 

3 – Cesta de Café da Manhã:

A gente pensa que não, mas homens também gostam de ser mimados com presentes românticos, podem até não admitir no primeiro momento, mas tenho certeza que vão gostar sim de receber uma cesta de café da manhã bem gostosa no dia dos namorados.

Fiz uma busca no google e achei a empresa Central Cestas aqui em BH a média de preço das cestas varia de R$ 119,00 a R$ 300,00 dependendo da quantidade de itens. Mas se onde você mora não tiver lugar que vende, monte uma cesta você mesma, têm vários vídeos no youtube de como montar uma cesta bem legal.

Foto: Site Central Cestas

Seguindo essa mesma linha, você pode montar uma cesta de chocolates também se seu namorado ou marido gostar de doces, o meu marido ia amar, porque gosta de doce igual formiga. rsrss.

4 – Jantar romântico:

Nessas datas é quase impossível sair pra jantar fora, todos os restaurantes costumam ficar lotados. Assim, faça você mesma uma comidinha que o boy goste e aproveitem a noite juntos.

Para acompanhar dê a ele um vinho para tomarem juntos, ou dê a bebida que ele mais gosta, seja cerveja ou mesmo um refrigerante ou suco.

O importante é criar um ambiente bem romântico e curtirem a noite sem assuntos chatos, sem cobranças, só comemorando o amor.

Foto: Pinterest-Mundo das Tribos

 

5 – Noite Romântica:

Reserve uma noite em um hotel ou motel e leve seu namorado ou marido sem que ele saiba. Não precisa ser bem no dia 12 de junho porque esses locais costumam ser bem cheios e as vezes nem fazem reserva ou têm um preço mais caro na noite do dia dos namorados.

Faça a reserva para duas noites antes do dia dos namorados por exemplo. Leve um vinho ou um champanhe e aproveitem a noite.

Mas não necessariamente precisa ser um motel ou hotel, você pode fazer em casa mesmo.

Faça caminhos com pétalas de rosas até a cama, decore o quarto com balões em formatos de coração e aproveitem o momento a dois.

Foto: Pinterest-Blog Poesie

 

Foto: Pinterest – Dedo de Moça

 

Fico muito empolgada com as comemorações do dia dos namorados e vocês? Me contem o que estão pensando em fazer para comemorar e o que estão pensando em dar de presente para o seu amor.

Bjossss.

Continue Reading

Não tenha medo de entrar em lojas de “marca”

Eu estava conversando com minha querida amiga Érika Pessoa do IG @pessoacomunica e estávamos refletindo como as vezes temos preconceito de entrar em determinadas lojas de “marca” seja em shopping ou em outro lugar.

Por muito tempo eu não entrava em determinadas lojas nem para perguntar o preço, mesmo se eu gostasse muito de algo que vi na vitrine por exemplo.

Na minha cabeça eu acreditava que não conseguiria comprar algo ali, ou mesmo inconscientemente que aquelas lojas não eram pra mim.

Eu pensava: Imagina se eu uma garota humilde que tem um salário suado, vai conseguir comprar uma roupa numa loja chique dessas?

Foto: Reprodução Internet

E na verdade, eu acabava comprando roupas muito mais caras nas lojas de bairro perto da minha casa, por simples medo de entrar na loja de “marca” toda bonita do shopping que eu julgava não ser para mim.

Conversando com a Érika ela me disse que já agiu desta mesma forma. Hoje não somos mais assim, mas acredito que existem muitas pessoas que ainda deixam de frequentar uma loja ou mesmo um lugar por acreditar que aquilo não é para ela, por simples preconceito.

Muitas vezes as lojas de “marca” tem várias promoções, tem ponta de estoque que são bem acessíveis. Ou têm outlets dessas lojas onde é possível encontrar coleções anteriores bem mais baratas.

Aqui na região temos dois Outlets bem legais, um é o BH Outlet Plus que fica na BR 356 próximo ao BH Shopping e o outro é o Só Marcas Outlet e fica em Contagem. Ambos tem várias marcas muito boas com preços bem acessíveis.

O que é importante é não termos preconceito ou vergonha de frequentar nenhum lugar por acharmos não sermos capazes ou merecedores daquilo.

Hoje em dia faço assim: Se gostei de determinado produto, olho o preço e vejo se tenho condições ou se quero  comprar, caso eu não queira ou não ache que não vale a pena comprar, agradeço e vou embora, simples assim.

Temos que encarar nossos medos e termos a consciência que merecemos o que há de melhor, seja em lojas de marca, seja num brechó, bazar ou feira.

E vocês são assim ou conhecem alguém assim? Me contem, amo conversar com vocês.

Bjos.

Continue Reading

Série 13 Reasons Why – Não seja o porque de alguém

Olá pessoal!!! O post de hoje é uma reflexão que fiz após assistir a série da Netflix Thirteen Reasons Why, traduzindo Os treze porquês. Acho muito importante discutirmos assuntos como esses pois fazem parte do dia-a-dia de todos e muitas vezes deixamos pra lá, porque nos intitulamos pessoas muito ocupadas.

Imagem: Reprodução Internet

A série é baseada em um livro, de mesmo nome, e gira em torno do fato de Hannah Backer (Katherine Langford) ter tirado a própria vida. Os fatos começam a se desenvolver quando Clay Jensen (Dylan Minnette), um garoto que gostava da Hannah e que se relacionou, recebe em sua porta uma caixa com fitas k7s, numeradas com a ordem em que devem ser ouvidas. Ao tocar a primeira fita, Clay descobre que só receberiam as fitas quem de alguma forma fez parte ou era motivo para que Hannah cometesse o suicídio. E assim a história vai se desenrolando, Clay vai descobrindo fita após fita, as situações que Hannah foi passando, os bullyings que ela foi sofrendo, e os motivos que a fizeram tirar a própria vida.

Assim a série consegue quebrar a visão diminutiva que muitos têm sobre o bullying, sobre os atos aparentemente inofensíveis e o caminho que a falta de uma punição pode levar. E é sobre isso que passei a refletir quando terminei de ver a série.

Que às vezes pequenos atos que as pessoas vão cometendo contra nós, que para elas são coisas simples, podem mudar de forma drástica e até trágica a nossa vida. Temos que ter em mente que cada pessoa tem seu jeito, sua vida, seu modo de ser e foi criada de uma forma, não devemos julgá-las por isso.

No caso da Hannah um boato que pra muitos poderia ser só um boato, começou a desencadear sentimentos desconhecidos por ela e tantos problemas que a fariam futuramente querer tirar a própria vida. E se refletirmos todos nós já passamos por alguma situação de bullying que nos trouxe profunda tristeza e que mudou nossa forma de ver algo. Mas que por sorte nossa ou por sermos mais fortes ou mesmo mais confiantes em Deus não nos deixamos abalar por aquela atitude daquela pessoa.

Imagem: Reprodução Internet

A Hannah implorava para que alguém a enxergasse e desse a ela um motivo para ela não se matar, para ela ver que a vida dela podia ir mais além do que o ensino médio que ela cursava. A mensagem que ela deixa é para que as pessoas mudem e não façam isso umas com as outras, que enxerguem o outro como pessoa e que cada um tem sua verdade, seu jeito, sua vida e não podemos julgá-las por isso. E para principalmente nos colocarmos no lugar do outro antes de qualquer julgamento. A nossa verdade não é a verdade absoluta, temos que olhar mais para as pessoas, enxergá-las, entende?

E sério, quem nunca sofreu alguma coisa desse jeito? Eu já passei por isso, sempre mudei muito de escola, pois meus pais mudavam de bairro sempre e cada ano eu estava numa escola diferente. E assim não tinha amigos na escola, todo ano eu estava numa escola nova e os grupinhos já estavam formados. Assim sempre fui taxada de diferente, de esquisita, de sozinha, mas porque aquelas pessoas ao invés de me criticarem não me acolhiam? Passei muito tempo dando muita importância ao que as pessoas pensavam sobre mim, justamente por isso, por ter sido julgada desde cedo na escola. Deixava que minha felicidade dependesse de ser aceita pelas pessoas. E no fundo talvez eu carregue isso comigo pra sempre.

Não vamos ser o porque de alguém, vamos entender o próximo e ajudá-lo. Estamos precisando de parar de olhar só para os nossos problemas e enxergar mais o outro.

Já vi em algumas campanhas contra o suicídio as pessoas dizerem “saiba que estou aqui” “saiba que pode contar comigo” mas será que estamos aqui mesmo? Será que uma pessoa que acredita não ter mais saída pra vida dela tem mesmo alguém com quem contar? Vivemos num mundo de superficialidade. Todos tem uma vida perfeita nas redes sociais e cada dia mais as estatísticas das doenças como depressão aumentam. Vamos refletir e principalmente mudar nossas atitudes.

Vamos ajudar uns aos outros, vamos nos amar, vamos ter mais tolerância com as atitudes do outro, vamos tentar enxergar o motivo das pessoas agirem de determinada forma sem julgá-las.

Me desculpem pelo texto gigante, mas queria fazer essa reflexão aqui. Me contem nos comentários se já passou por algo assim, vamos nos ajudar.

Grande beijooo 🙂

Continue Reading

Make dia-a-dia para iniciantes

Olá meus amores!!!

Fiz um vídeo rapidinho de como faço a make que uso todos os dias para trabalhar ou ir pra faculdade.

Tenho a pele bem oleosa então tenho que tomar cuidado com o que passo para não ficar com o rosto todo grudento na metade do dia.

Como é uma maquiagem que uso todo dia substituí a base pelo protetor solar com cor, que estou amando usar.

Então bora dá uma espiadinha no vídeo pra ver as dicas maaaara que compartilhei com vocês!!!

 

 

Espero que gostem e não se esqueça de inscrever no canal, quero voltar com tudo e fazer vídeos bem legais pra vocês, e se você estiver inscrito vai ver logo em primeira mão.

 

Bjos 🙂

Continue Reading

Dicas para se vestir valorizando seu corpo

Hoje em dia todas nós queremos estar na moda, mas o que é estar na moda? Pra mim é vestir peças legais que combine com o meu corpo, que favoreça minhas formas e se adaptam ao meu perfil, e não o contrário, o meu corpo não se adapta a roupa.

Temos que escolher a roupa que nos faz sentir bem, sentir confiantes e seguras de nós mesmas. De que adianta vestir algo que está na moda, mas que não nos faz sentir bem, estaríamos totalmente fora de moda desse jeito.

Podemos e devemos vestir o que quisermos, mas porque não usar algumas dicas para valorizar ainda mais o nosso corpo? Vem comigo que vou te contar!

São truques fáceis que uso no meu dia a dia para usar as peças que temos em casa mesmo.

Se você quer parecer mais alta:

Aposte nas Saias Midi, não é que você não possa usar saias longas, mas os comprimentos midi e mini vão dar a impressão que você tem uns centímetros a mais.

Use as Camisas na altura do quadril, se elas estiverem mais compridas vão dar a impressão que você é ainda mais baixinha, mas se você deixar ela nessa altura, vai conseguir o efeito de que você é mais alta.

Evite sandálias com tiras na canela, elas dão  a impressão que as pernas são mais curtas.

Uma dica para alongar? Para ter a impressão de pernas mais longas abuse dos sapatos ou sandálias em tons nude.

Foto: Reprodução Internet

 

Foto: Reprodução Internet

 

Foto: Reprodução Internet

Se você quer parecer mais magra:

Aposte em looks com cores escuras, não é clichê que preto emagrece, não precisa ser necessariamente o preto, mas sim cores mais escuras como o azul marinho, verde musgo e é melhor que as peças não tenham estampas.

Use também jeans com cós alto pois além de apertar aquela barriguinha, elas vão dar a impressão de cintura mais fininha. Vai deixar o corpo mais longilíneo, dando a impressão de pernas mais longas e corpo mais magro.

Use sapatos scarpins, este modelo alonga o corpo e dá uma impressão de mais magra. Além de serem super chic e combinar com vários looks do nosso armário.

Foto: Reprodução Internet

 

Foto: Reprodução Internet

 

Foto: Reprodução Internet

 

Foto: Reprodução Internet

Como disse, esses são apenas alguns truques para valorizar ainda mais o nosso corpo e fazer que a moda jogue a nosso favor. Nenhuma delas é regra mas é bom saber alguns truques que nos façam sentir mais lindas, não é mesmo?

Se usa algum truque/dica que queira compartilhar, deixa aqui nos comentários!  Vou adorar saber.

Dá uma passadinha nas minhas redes sociais sempre compartilho dicas por lá também.

Beijocas 🙂

Continue Reading

Dicas para definir as metas e objetivos para 2017

Estamos chegando ao fim de 2016 e nessa época sempre gosto de fazer uma listinha com minhas metas e objetivos
para o próximo ano. Acredito que não ter metas e objetivos é andar sem rumo, pois como vou saber o caminho a percorrer se não sei onde quero chegar?

Acredito que ter meta é o caminho mais curto para obter algo que se deseja, seja ele um objetivo simples ou mesmo o sonho da vida. É uma felicidade muito grande quando olho pra lista do ano anterior e vejo que superei minhas expectativas, por isso vou listar aqui alguns passos importantes que sigo para a criação da minha lista de metas e objetivos, para que ela seja uma lista possível e não traga decepções por tê-la planejado de forma errada.

Definir metas e objetivos

Um dos itens que considero mais importante é definir as metas e objetivos que se tem. Pense e pense e faça uma lista mentalmente, não importa se será uma lista enorme ou se terá dois ou três objetivos, depois transfira essa lista imaginária para o papel. Mas coloque tudo que realmente deseja e que é importante pra você, independente do tamanho da dificuldade que seja para alcançá-lo.

Sempre tenha em mente que quem acredita sempre alcança.

Tenha metas positivas

Tenha em mente que na sua lista só poderá entrar metas positivas, vou exemplificar: Ao invés de colocar “no próximo ano não quero mais ter chefe”, coloque “no próximo ano quero ter meu próprio negócio”. Parece bobo mas a maneira como escreve suas metas faz toda a diferença.

Prazo

Metas e prazos andam lado a lado, não adianta ter uma lista cheia de metas sem definir prazos para alcançá-los.

Tenha em mente a meta e o que será necessário fazer e dedicar-se para alcançar aquela meta. Mas lembre-se sempre de ter prazos razoáveis e possíveis para não gerar frustração e impotência por não ter alcançado a meta.

Não adianta colocar na lista “vou emagrecer 30 quilos até o carnaval”, sabemos que o carnaval é geralmente no final de fevereiro ou início de março, é muito difícil uma pessoa perder tanto peso num prazo curto. É melhor ter uma meta menor mas que seja mais fácil de ser alcançada e assim traga mais satisfação para continuar.

Metas atingíveis

Acredito que esse item tenha uma enorme ligação com o item anterior. As pessoas cometem o erro de mentir para si mesmas, honestidade é fundamental na hora de definir suas metas.

Seja realista e estabeleça metas que estão ao seu alcance. Vou ter tempo tempo, recursos e conhecimento para determinada meta?

Coloque os pés no chão e deixe para sonhar em outro momento, definir como meta algo que você sabe que é inatingível só vai gerar sentimento de frustração e incapacidade.

Caminhos alternativos

Vou dar um exemplo: Quero ter minha casa própria no próximo ano. Tenho dinheiro para dar a entrada? Tenho uma renda suficiente para um financiamento? Caso não tenha é hora de planejar, junte dinheiro, pesquise quanto é o apartamento, qual a renda será necessária para fazer o financiamento e a partir daí, planeje como meta para o próximo ano uma meta alternativa de guardar na poupança 10% do meu salário para dar a entrada do apartamento daqui alguns anos.

Dê um passo de cada vez, a escada é grande, mas de degrau em degrau chegamos lá em cima.

Anote seus progressos

Uma meta pode até demorar para ser alcançada, mas ir anotando e avaliando os progressos alcançados será o combustível para continuar caminhando.

Sua meta pode até ser simples, mas à partir do momento em que você passá-la para o papel e anotar periodicamente seus progressos, ele se tornará “gigantesca” e será sua fonte de energia para definir novas metas.

E o mais importante sempre sinta-se grato por ter completado uma meta, mesmo que ela pareça pequena e insignificante para muitas pessoas. Comemore, pois com certeza você trabalhou para que isso acontecesse.

Então é isso, espero que as nossas metas e objetivos sempre se concretizem. 🙂

Grande beijo!!!

Continue Reading

Meu melasma: o que tenho feito para conviver com ele

Olá lindonas!!!

Quero fazer uma sessão aqui no blog sobre melasma, pois como eu, sei que tem muita gente que sofre com essas temidas manchas.

Vou começar contando quando e como ele surgiu.

Bom, tenho a pele bem oleosa e sempre tive muitas espinhas, em 2013 quando me formei em engenharia civil, fui pra uma obra no Norte do Brasil, no estado do Pará, como o clima lá é bem quente e úmido, minhas espinhas pioraram muito.

Para trata-las e tentar reduzi-las a minha dermatologista da época sugeriu que eu tomasse a isotretinoína, que é um fármaco utilizado pela medicina no tratamento do acne severa ou da rosácea. Ele resolveu bem meu caso com as espinhas, porém ele deixa a pele mais sensível e como eu já tinha a pré-disposição e estava morando num lugar onde o índice UV é mais alto, eis que me surgiu os primeiros sinais do melasma, na testa, era uma mancha amarronzada de forma irregular, mas pequena ainda.

O tempo foi passando e a mancha aumentando mais e também ficando mais escura, dificultando escondê-la. Durante todo esse período estava sob o acompanhamento da dermatologista, passando protetor solar com fator de proteção alto e escondendo de todas as formas do sol.

No último ano também surgiram duas manchas bem pequenas e clarinha nas maças dos rosto, dos dois lados.

Durante todo esse tempo uso também fotoprotetores orais para ajudar na prevenção do surgimento de novas manchas e já passei vários clareadores, mas nunca obtive um resultado que clareasse realmente.

Os dermatologistas que já fui nesse período nunca indicaram fazer o clareamento com laser, pois temem piorar devido ao efeito rebote, ou seja, melhora no início, mas depois volta pior do que era antes do laser.

Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia melasma é uma condição que se caracteriza pelo surgimento de manchas escuras na pele, mais comumente na face, mas também pode ocorrer nos braços e colo. Afeta mais frequentemente as mulheres, podendo ser vista também nos homens. Não há uma causa definida, mas muitas vezes esta condição está relacionada ao uso de anticoncepcionais femininos, à gravidez e principalmente à exposição solar. O fator desencadeante é a exposição  à luz Ultravioleta e mesmo à luz visível. Além dos fatores hormonais e da exposição aos raios solares, a predisposição genética e histórico familiar também influencia no surgimento desta condição.

Minha mãe teve melasma nas maças do rosto que só desapareceram após a menopausa, pois a influencia dos hormônios diminuem e o melasma também diminui, no caso dela eles desapareceram.

Ou seja, tive a influência genética e o fator desencadeante foi a exposição ao alto índice UV da região norte do brasil associado a maior sensibilidade da pele com o uso da isotretinoína, e também sempre tomei anticoncepcional o que aumenta a chance do surgimento do melasma.

Recentemente troquei de dermatologista e ele indicou fazer sessões de peeling para tentar clarear as manchas, fiz uma sessão esse mês, e até agora não senti nenhuma melhora. Vou fazer novamente no mês de dezembro e mostro se tiver algum resultado.

Vou deixar abaixo um vídeo que fiz mostrando o que estou usando na maquiagem de dia-a-dia para esconder o melasma.

Não se esqueça de se increver no canal do youtube e receber as dicas em primeira mão.

Gd beijo!!!

Continue Reading